Escolha a forma de pagamento

Logotipos de meios de pagamento do PagSeguro

18 de mai de 2010

Escova Marroquina



Nos anos 80 a moda era fazer permanente nos cabelos, e deixá-los bem irisados, talvez com as ondulações bem demarcadas; enfim, o auge do sucesso era ter cabelos compridos com cachos.

Hoje a moda mudou muito e de uns anos para cá, notamos que a tendência do cabelo liso veio para ficar. Mesmo quem tem cabelo liso, faz escova, e acaba por usar a chapinha para melhorar o efeito liso. Quem não tem cabelo liso, opta por fazer alisamentos, e a tal escova progressiva, que até hoje tem gerado muita controvérsia e polêmica pelo nível elevado de formol em sua formulação.

Após a chegada da escova progressiva, surgiram muitas outras como as de chocolate e a mais recente a escova marroquina.

A escova Marroquina, além de alisar os fios, funciona como uma hidratação. Esta é a nova técnica para alisar. O diferencial do sistema em relação à escova progressiva, além da hidratação, é a durabilidade. “A escova marroquina é um alisamento semi-definitivo e não temporário. Assim, não sai dos fios de uma vez. É necessário apenas o retoque de raiz. Quanto mais danificado o cabelo, melhor o resultado. A escova marroquina pode ser aplicada em cima de qualquer outro procedimento químico. “O cabelo pode ter relaxamento, amaciamento, escova progressiva e até henna — uma substância que alisa e tinge os fios, que até então não tinha compatibilidade com qualquer outro processo”.

O diferencial está em apenas um componente químico e o método de aplicação da técnica marroquina é praticamente o mesmo de uma escova progressiva. “A diferença é que as escovas progressivas e outros alisamentos necessitam que o produto fique por um tempo nos fios até agir”. A escova marroquina é retirada ainda no salão e o cabelo pode ser preso no mesmo dia. A durabilidade é de três ou quatro meses”. Não há nenhuma contra-indicação e a técnica pode ser aplicada ainda em crianças. É um procedimento aprovado pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Mais fotos do meu trabalho